sexta-feira, 27 de abril de 2012

PAI NOSSO EM ARAMAICO


Vejam que lindo!

Pai Nosso (3) - Aramaico
É desta oração que derivou a versão atual do "Pai-Nosso". Ela está escrita em aramaico, numa pedra branca de mármore, em Jerusalém, no Monte das Oliveiras, na forma que era invocada pelo Mestre Jesus. O aramaico é um idioma originário da Alta Mesopotâmia, ( séc VI ac), e era a língua usual do povo, enquanto o hebraico era mais utilizado em ritos religiosos. Jesus sempre falava ao povo em aramaico.

A tradução direta do aramaico para o português, (sem a interferência da Igreja), nos mostra como esta oração é bela, profunda e verdadeira, condizente com o Mestre Jesus.

Texto do PAI NOSSO em Aramaico Transliterado

"Abvum d'bashmaia
Netcádash shimóch
Tetê malcutách Una
Nehuê tcevianách aicana
d'bashimáia af b'arha
Hôvlan lácma d'suncanán
Iaomána
Uashbocan háubein uahtehin
Aicána dáf quinan shbuocán
L'haiabéin
Uêla tahlan l'nesiúna.
Êla patssan min bíxa
Metúl dilahie malcutá
Uaháila
Uateshbúcta láhlám.
ALMÍN. "
Tradução do PAI NOSSO, a partir do Aramaico

" Pai-Mãe, respiração da Vida, Fonte do som, Ação sem palavras, Criador do Cosmos !

Faça sua Luz brilhar dentro de nós, entre nós e fora de nós para que possamos torná-la útil.

Ajude-nos a seguir nosso caminho Respirando apenas o sentimento que emana de Você.

Nosso EU, no mesmo passo, possa estar com o Seu, para que caminhemos como Reis e Rainhas com todas as outras criaturas.

Que o Seu e o nosso desejo sejam um só, em toda a Luz, assim como em todas as formas, em toda existência individual, assim como em todas as comunidades.

Faça-nos sentir a alma da Terra dentro de nós, pois assim, sentiremos a Sabedoria que existe em tudo.

Não permita que a superficialidade e a aparência das coisas do mundo nos iluda, E nos liberte de tudo aquilo que impede nosso crescimento.

Não nos deixe sermos tomados pelo esquecimento de que Você é o Poder e a Glória do mundo, a Canção que se renova de tempos em tempos e que a tudo embeleza.

Possa o Seu amor ser o solo onde crescem nossas ações.

AMÉM.


http://www.mariadenazare1.kit.net/painosso.htm

quinta-feira, 26 de abril de 2012

COSMÉTICOS E MAQUIAGEM DA BELLE ÉPOQUE



Olá meninas

Continuando a pesquisa, notei que na época de nosso interesse, não havia ainda muitas opções de maquiagem, ou pelo menos, tantas opções de cada categoria como hoje em dia, e a indústria de maquiagem deu uma alavancada alguns anos depois apenas.

Mas na Belle époque, as mulheres não usavam muita maquiagem mesmo, só usavam maquiagem carregada se fossem atrizes ou prostitutas.

As mulheres comuns valorizavam a pele alva, pois uma pele mais bronzeada indicava que a mulher era de uma classe social inferior pois tinha que fazer trabalhos ao sol.

A pele branca podia ser realçada com pó de arroz, que se assemelhava a um talco.

Nas bochechas, apenas beliscões para faze-las ficarem mais rosadas.

Nos lábios, apenas algum tipo de rouge dava o tom (o rouge é o precursor do batom, lembro de ter visto, quando criança, na casa de alguém que já nem lembro, um potinho de lata com um creminho vermelho dentro, que me disseram que era rouge), e os olhos deviam ser bastante destacados, languidos e sonhadores, o que se poderia conseguir com um pouco de kajal, e para quem pudesse, cílios postiços.




Veja um pouco sobre o assunto no site: http://demodecouture.com/titanic-hair-accessories/
(eu mesma nem li todos os sites que indiquei direito, então aos poucos vou descobrindo novas informações)

The 1910s was a transitional era in cosmetics wear. Many women wore powder and natural rouges in the nineteenth century, but it was considered very important to not appear to be wearing cosmetics because your physical appearance was believed to be a reflection of your inner moral character. Women who wore “paint” were thought to be trying to hide some inner moral flaw, and the only women who wore obvious makeup were actors or sex workers.
Os anos 1910 foram uma era de transição no uso de maquiagem. Muitas mulheres usavam pós e rouges naturais no século IXX, mas era considerado muito importante não aparentar estar usando cosméticos porque sua aparencia física deveria ser um reflexo de seu caráter moral interior. Mulheres que usavam "pintura" eram vistas como tentando esconder alguma falha moral interna, e as únicas mulheres que usavam maquiagem óbvia era atrizes ou profissionais do sexo.
However, the growth of advertising and shopping led to cultural changes whereby women were increasingly encouraged to literally create their identity through their appearance and use of consumer products. By the early 1910s, magazines were commenting that stylish Parisian women were wearing evident cosmetics, including eye makeup. For Americans, understated makeup began to be considered acceptable, although it was the trendsetting and/or “fast” women who were its first adopters, and in 1912 Elizabeth Arden founded her salon in New York City where she sold rouge and tinted powders.
Entretanto, o crescimento da publicidade e do consumo conduziu a mudanças culturais onde mulheres eram cada vez mais encorajadas a criar sua identidade através da aparencia e do uso de produtos de consumo. No início dos anos 1910, revistas estavam comentando que mulheres de estilho parisienses estavam usando cosméticos evidentes, incluindo maquiagem para os olhos. Para os americanos, maquiagens suavizadas começaram a ser consideradas aceitáveis, embora fossem as mulheres de vanguarda e/ou "rápidas" as primeiras a adotar o estilo, e em 1912 Elizabeth Arden fundou seu salão na cidade de Nova York onde ela vendeu rouge e pós matizados.

http://www.elizabetharden.com/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Elizabeth_Arden

To create an early 1910s upper class evening look with cosmetics, the following products can be used: powder to create a flawless, pale look; pink cheek rouge; eyebrow pencil; and lip tint made of colored salves (colored lip balm would be an excellent modern product). Very artistic women or those who are French might add smoky kohl around the eyes in a Theda Bara “vamp” style.

Para criar um look da noite da alta sociedade nos idos de 1910 com cosméticos, os seguintes produtos podem ser usados: pó para criar um look pálido e sem falhar, rouge pink na bochecha, lápis nas sombrancelhas, e tinta para lábios feita de matizes coloridos (brilho labial colorido seria um produto moderno excelente). Mulheres muito artísticas ou as francesas podem adicionar kajal esfumaçado ao redor dos olhos no melhor estilo Vamp de Theda Bara.




http://pt.wikipedia.org/wiki/Theda_Bara
Ou sua contemporanea e igualmente diva Musidora:



http://en.wikipedia.org/wiki/Musidora



Outra diva do cinema mudo que já apareceu no meu blog: Pina Menichelli

http://en.wikipedia.org/wiki/Pina_Menichelli



Mais história da maquiagem em:

http://www.digitalhistory.uh.edu/do_history/fashion/Cosmetics/cosmetics.html
(uhhhhh, em 1914 (alguns dizem 1915) é fundada a Maybelline, especializada em máscaras, vejam que história interessante em http://www.chicagohistoryjournal.com/2010/07/great-mascara-war.html)




Foto da primeira máscara, tirado do blog: http://nefertitibeauty.blogspot.com.br/2011/08/mascara-de-cilios-historia.html, vejam no blog a receita original do rímel (vaselina e pó de carvão, que luxo!!!! aaarghh hahahah). Ainda fica a dúvida se a máscara da Maybelline foi inventada em 1913, 1914 ou 1915, mas segundo o blog da Ana Carla, a máscara para cílios foi inventada muito antes, em outra forma, por Eugene Rimmel (http://en.wikipedia.org/wiki/Eug%C3%A8ne_Rimmel), mas o site http://eyelashesinhistory.com/19th_century.html
diz que muito antes as mulheres já escureciam os cílios com pó de carvão.



http://www.youtube.com/watch?v=J0_PxrpiNNc

Tutorial interessante de maquiagem 1900-1910... leiam os comentários da menina sobre os esforços das mulheres americanas em parecer mais "belas", muito interessante: beber vinagre ou arsenico para acentuar o look pálido e doente que era considerado padrão de beleza... um precursos da anorexia e outros absurdos para estar no 'padrão de beleza'.


http://buff-history.buzzsugar.com/History-Fashion-1900---1910-1535251
mais um pouco de história de moda... mas fala mais sobre vestuário.


http://www.adclassix.com/sitemap.htm
Anúncios vintage de tempos passados, clique em Health- Beauty para ver os anúncios de cosméticos de antigamente. Muito pó de arroz e creme gelado para realçar a beleza da mulher! Legal também é ver que algumas marcas conhecidas já existem a muitos anos, como a Dana Tabu, que faz um perfume muito parecido com Channel nº 5!

Deo Colônia Tabu Tradicional (60ml)

http://briexbabyy.blogspot.com.br/2011/12/history-of-glam-1900-1910.html

http://www.fashion-era.com/make_up.htm


http://www2.uol.com.br/modabrasil/forcas_moda/cores_fashion/index2.htm
Excelente site em portugues com história da moda super detalhada.

Fotos de um frasco de rouge de Harriet Hubbard Ayer, retratada no site acima:




http://wn.com/Beauty_through_the_Decades_1900-1910_Makeup
Aqui mais tutoriais da menina que ensina maquiagem e cabelos da Belle Époque.

http://en.wikipedia.org/wiki/History_of_cosmetics
História dos Cosméticos

Bom, cansei de novo, é muita coisa pra ver e isso que estou só focando naquela época.
O fato que acho que não existe mulher no mundo que não goste de maquiagem, a não ser que a maquiagem realmente não faça parte da cultura dela.
A maquiagem ajuda a gente a se ver e se sentir mais bonitas, melhora a auto estima, e ás vezes opera milagres quando necessário.

Veja que interessante a maquiadora que consegue até se "transformar" em outras pessoas:
http://beleza.terra.com.br/fotos/0,,OI183106-EI18263,00-Maquiadora+se+transforma+em+celebridades+veja+fotos.html

Promise Phan nasceu no Nepal e tem feições asiáticas, mas por meio da maquiagem, consegue se transformar em diversas celebridades, como a atriz Scarlett Johansson  Foto: Divulgação/Getty Images

Incrível, não???

Na falta de uma foto estilo vintage, recorremos ao Photo Editor...

Por isso, que desde sempre, eu amo maquiagem.
E gosto mais ainda da Belle Époque, que era uma época onde as mulheres estavam descobrindo o poder da beleza e a magia dos cosméticos e da maquiagem. Claro que os cosméticos e a maquiagem já existiam há muito tempo na história da humanidade, porém sua fabricação em larga escala até tomar os formatos que conhecemos hoje foi iniciada pela busca da beleza e perfeição característica da Belle Epoque

Agora uma foto estilo Theda Bara com direito a anagrama.


Gostei mais dessa...

Beijos, espero que tenham gostado da nossa exploração da Belle Epoque.
Já exploramos as roupas, os sapatos, maquiagens, cabelos, cosméticos.
Agora só falta darmos uma luz às jóias e acessórios.
Fica pro próximo post!

Marie Jo

quarta-feira, 25 de abril de 2012

CABELOS NA BELLE ÉPOQUE

Olá

Bom, continuando as pesquisas, hoje vamos falar sobre os penteados mais usados na Belle Epoque.
Acima temos uma espécie de esquema retratando os modelos de chapéus, toucas e penteados mais usados.
Pesquisando sobre o assunto, encontrei este site que parece ser bastante completo sobre a época que estamos estudando:
http://www.fashion-era.com/1890-1914_la_belle_epoque.htm

Tem menus bem minuciosos e também muitos desenhos ilustrando os estilos de várias épocas, achei bem didático.

Outro site mostra como fazer penteados característicos da Belle Epoque, gostei:
http://sociedadehistoricadesterrense.com/anakhros/?p=2664

Na época, um dos penteados mais famoso era o Pompadour, como o das Gibson Girls:
O estilo do penteado era romantico, usava-se também muitos apliques caso a pessoa tivesse pouco cabelo, e também toucas e chapéus dos mais variados estilos, sempre com flores, plumas e ás vezes até pássaros empalhados neles.
Ver em:
http://www.costumes.org/history/100pages/1900HATS.HTM



No site abaixo, uma foto bem legal com penteados além de um guia muito interessante sobre a moda de antigamente:
http://cidadephantastica.blogspot.com.br/2011/02/guia-de-moda-para-reconstrucionistas.html




Outro site super interessante:
http://ecojane.wordpress.com/2011/01/11/la-belle-epoque-1900-a-1914/
e mais outro:
http://www.historicalhairstyles.fr/

Resumindo, os penteados tanto presos como soltos, curtos ou compridos, eram essencialmente romanticos, alguns com influencia do estilo romano e grego.
Tinham curvas, cachos, voltas, adornos, flores, realçavam a beleza da mulher, quando não eram escondidos por chapéus.



Um site com tutorial bem legal de como se vestir conforme a época:
http://www.vintagevictorian.com/costume_1912.html

http://demodecouture.com/titanic-hair-accessories/


Mais um site legal sobre hairstyle: http://www.hairselect.com/1912.htm


E outro site legal com muuuitas fotos vintage:
http://www.lphouse.com/1910s.htm



Mais um site muito bom com várias fotos de cabelo, moda e calçados: http://americanduchess.blogspot.com.br/2012/01/v12-introduction-to-hairstyles-in-1912.html



Outra fonte muito legal de pesquisas são as fotos vintage, que eu também adoro.
http://www.shorpy.com/

http://www.flickr.com/groups/1900-1910/

http://www.costumegallery.com/1900.html

http://www.adclassix.com/sitemap.htm
(esse é bom!)

http://www.vintageadbrowser.com/food-ads-1910s


Pesquise você também e se divirta, porque eu cansei por hoje querida!


Acima, uma releitura moderna de um penteado eduardiano.

Beijos,
Marie

sexta-feira, 20 de abril de 2012

TITANIC SHOES - SAPATOS DA BÉLLE ÉPOQUE


Oi

Antes de continuarmos a nossa odisséia sobre os estilistas da Bélle Époque, vamos falar um pouco sobre os sapatos da época.
Sim, porque moda envolve tudo né: roupas, sapatos, jóias, cosméticos, cabelos, e eu vou pesquisar um pouquinho sobre cada assunto pra gente.
Bem, eu adoro sapatos, como toda mulher. Só que como pra mim, saltos são limitados, os meus são tenis, botas ou sapatilhas. Botas só de salto baixo ou anabela, sandálias, só baixas ou anabelas, porque eu tenho uma perna mais curta que a outra, então usar um salto alto seria a mesma coisa que pedir pra passar vergonha, porque o pé viraria o tempo todo e meu andar seria mais próximo ao de uma gansa.
Então, como eu gosto de variedade, acabei investindo em sapatilhas, eu tenho pelo menos umas sete bem diferentes e legais... e quero aumentar a coleção assim que possível.

Mas enfim, pesquisando sobre sapatos da época, eu aprendi que naquele tempo não se usava muito sapato aberto, pois ainda era regra para as mulheres esconderem as pernas e os pés debaixo do vestido.
O que se usava muito eram botas que podiam ser amarradas ou abotoadas, como os modelos abaixo:

Á medida em que a moda começou a encurtar os vestidos e as mulheres foram perdendo o pudor de mostrar os pés, os sapatos também começaram a ganhar mais graça e beleza.

Abaixo, alguns bons sites com fotos de sapatos da época, incluindo modelos que foram copiados para o filme Titanic:

http://www.vintagedancer.com/titanic-edwardian-shoes-for-women-buy-or-make/

A Bélle Époque também é conhecida como era Eduardiana, onde sobressaíram os sapatos modelo Astoria e os saltos modelo Louis:
A linda bota vermelha acima foi usada pela personagem Rose na cena do pulo em Titanic.

Botas similares foram encontradas nos restos do Titanic.

Um blog muito legal onde encontrei também comentários sobre a Belle Époque:

http://diariodestilo.blogspot.com.br/2011/02/la-belle-epoque-parte-i.html

http://diariodestilo.blogspot.com.br/2011/02/la-belle-epoque-parte-ii.html

Mais fotos de sapatos pinçados do google:



Espero que tenham gostado.
Beijos,
Marie