segunda-feira, 12 de julho de 2010

BECOMING JANE


JANE AUSTEN

Bom, já que comecei, vou continuar falando sobre meus escritores preferidos.

Me apaixonei por JANE AUSTEN quando assisti ao filme Becoming Jane, estrelado por Anne Hathaway e James McAvoy. O filme conta sobre a vida da jovem escritora, uma mulher muito á frente de seu tempo, justa e que não teve medo de viver solteira e se sustentar sozinha como escritora. A história do romance que Jane teve na juventude também é apaixonante, e nos faz pensar na sorte de hoje em dia termos a opção de escolher casar por amor, quando na época de Jane os casamentos eram arranjados por interesses.


Acima, um retrato de Jane Austen feito á lápis por sua irmã Cassandra.
(Único retrato original de Jane Austen, aquarela feita por Cassandra Austen, 1810.) Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Jane_Austen

Biografia

Jane Austen nasceu em 16 de dezembro de 1775, em Steventon, Hampshire, Inglaterra, sendo a sétima filha do reverendo George Austen, o pároco anglicano local, e de sua esposa Cassandra (cujo nome de soltera era Leigh). O reverendo Austen era uma espécie de tutor, e suplementava os ganhos familiares dando aulas particulares a alunos que residiam em sua casa. A família era formada por oito irmãos, sendo Jane e sua irmã mais velha, Cassandra, as únicas mulheres. Cassandra e Jane eram confidentes, e hoje se conhece uma série de cartas de sua correspondência.

Eu já li Razão e Sensibilidade e Emma. Confesso que gostei mais do primeiro, adorei a maneira como ela retrata cada personagem e a época em que vivia, os costumes, maneiras, as paisagens da Inglaterra e o modo de vida de fins do século XXVIII e início do IXX.

Admiro Jane por ela ter tido coragem de seguir seu caminho na carreira literária assumindo os próprios riscos, sendo independente e escrevendo de forma crítica numa época conhecidamente puritana e machista

Se tiver a oportunidade, não deixe de ler as obras de Jane Austen, hoje tão importante para a literatura quanto William Shakespeare.

Um comentário:

Bruna Tavares disse...

OLá
Sou fã da Jane Austen. Meu livro favorito é Orgulho e Preconceito, mas também amo os outros.
Visite meu blog: www.descobrindojaneausten.blogspot.com
Estou traduzindo Lady Susan, um romance epistolar da mesma autora, que nunca foi publicado no Brasil.