quarta-feira, 4 de abril de 2012

UMA PARÁBOLA


E o homem sentou sozinho. Numa tristeza profunda.
E todos os animais se aproximaram e disseram:
-Não gostamos de ver você tão triste.
Peça-nos o que quiser e você o terá.
O homem disse: -Quero ter boa visão.
O abutre respondeu: -Terá a minha.
O homem disse: -Quero ser forte.
A onça respondeu: -Vai ser forte como eu.
Então o homem disse: -Quero saber os segredos da terra.
A serpente respondeu: -Vou revelá-los a você.
E assim foi com todos os animais.
E quando o homem tinha tudo que eles podiam dar ele partiu.
Então a coruja disse aos outros animais:
-Agora o homem sabe muito e pode fazer muitas coisas…
de repente tenho medo…
A corça disse:
-O homem tem tudo de que precisa.
Agora sua tristeza vai acabar.
Mas a coruja respondeu:
-Não. Eu vi um vazio no homem.
Grande como uma fome que ele nunca vai saciar.
É isso que o deixa triste e é isso que o faz querer mais.
Ele vai pegando e pegando…
Até um dia em que o Mundo dirá:
Não mais existo. E nada mais tenho para dar.

Um comentário:

ROSE OLIVEIRA disse...

nossa Marie muito refletiva a parábola,as vezes as insatisfações e frustaçoes nos deixa cegos e não percebemos o quão ricos já somos só em ter saúde...linda parábola...linda bom feriado e fim de semana...xeru da Rose

http://www.blogtopodendo.blogspot.com.br/