quinta-feira, 14 de março de 2013

BULLYING AGAIN

 Guten Morgen Freunde!

Uma hora dessas eu aprendo a falar alemão!

Mas o post de hoje fala sobre um tema muito corrente na atualidade: o Bullying...

Bom, eu sofri bullying na escola, mas sobrevivi.
Se for pra começar a lembrar, acredito que os meus bullies foram insistentes até demais em tentar me colocar para baixo. Eu realmente não entendo o porquê... talvez fruto de uma educação familiar pobre ou falta de afetividade em casa (no caso deles, néam)? Não sei, mas eu sei que sobrevivi, até porque na época eu era tão inocente que nem ligava muito pra isso.
Mas lembrando agora, meus bullies foram beeeeeem insistentes... e chatos!


Mas enfim, sobrevivi e estou aqui pra contar que bullying não é o fim do mundo.

Mas eu gostaria que meu filho não tivesse que passar por isso...

Achei uma matéria num blog do msn muito legal sobre esse assunto: http://estilo.br.msn.com/demaepramae/blog/adriana-teixeira/post.aspx?post=d90e6877-852e-465b-b457-76ecf5da979f

Acho que as pessoas estão superestimando o bullying, então nada como contar com a ajuda de psicólogos e outras mães para auxiliar os nossos pequenos a passar por esses lances sem crise!
O negócio é sempre conversar, nada melhor do que conversa e mais conversa para que seu filho entenda que você o ama, que no mundo existem pessoas más e que também tem pessoas boas que vão amá-lo e aceitá-lo como ele é, e que ele pode confiar em você quando tiver problemas... Acredite, por melhores pais que sejamos, as crianças nem sempre vão nos contar tudo ou confiar em nós, temos que passar essa segurança a eles.


Eu sofri bullying na infância, fui isolada e perdi muitas amiguinhas. Porque eu era pobre, ou porque tirava notas boas, usava óculos, bota ortopédica, não escutava Iron Maiden (meu pai escutava então é uma das bandas das quais eu enjoei simplesmente porque era obrigada a ouvir todo santo dia no último volume, meu pai é roqueiro), e até porque minha calça era roxa, e diversos outros motivos idiotas.

 Eu só era diferente poxa, e nunca fui descolada, nunca fui na onda dos outros, mas depois, na adolescência, arrumei amigos de verdade com quem sempre posso contar e que tenho certeza que me amam como eu os amo. Quem isola seu filho na escola, ou te isola, se você estiver sendo vítima de bullying, é porque nem merece sua amizade e atenção. Acredite, você é bem melhor do que isso, você é melhor do que eles porque não precisa ficar intimidando ou discriminando ninguém pra se sentir superior... então erga a cabeça menino (a)!



Estou meio ruim pra escrever ultimamente, mas nem liguem, é a falta de tempo que anda minando a minha criatividade e o cansaço tirando a inspiração. Mas acessem o link, e boa leitura! E chega de bullying minha gente!



Küsse,
Marie Jo

Nenhum comentário: