quarta-feira, 24 de agosto de 2011

ANALISANDO "YOU AND I"


Oláááá criançada, o BOZO chegou! Trazendo alegria... não, não é o caso...

Bom, como eu venho fazendo nos últimos tempos desde que virei fã da Lady Gaga, vou analisar mais um de seus novos trabalhos, como crítica imparcial que sou. Pois, tratando-se dela, por mais que eu goste de seu trabalho e seu estilo, NÃO POSSO FICAR ACEITANDO QUALQUER PORCARIA!


Eis que recebi dia desses um e-mail da própria amiguinha Lady Gaga para assistir ao seu novo vídeo You and I, e lá fui eu. Dei um click no pinguelinho e os primeiros minutos pareciam prometer, cheguei a segurar a respiração assistindo áqueles rápidos slides insinuando algo entre sadomasoquismo e insanidades.



Mas depois, quando a música começou, qual não foi minha surpresa? O que era aquilo? Que tipo de música mais água com açúcar foi aquela? E o pior de tudo, de novo, a gente fica com aquela sensação de já ter ouvido antes.

Sem comentários para o restante do clipe, fotografia, figurino, coreografias, estava tudo lindo e impecável. Direção estava show, temática muuuuuito criativa, as mesmas bizarrices que levaram a Gaga ao topo e tornaram única, mas colocando a música junto a gente pára, coloca a mão na cintura e diz: NÃO ORNA!


(Reparem que ela usou esta peruca em minha homenagem)

Acho que a Gaga tentou inovar em suas composições, mas, tendo fugido de seu estilo dance que era marca registrada, acho que ela errou feio, eu pelo menos não fiquei contente, e fiquei com aquela mesma sensação ao assistir ao clipe The Edge of Glory.
Mas pelo clipe de You and I, ela bem que merecia um premio, pois ele é muito criativo, bonito, e bizarro, como a gente gosta. Acho que vou ficar esperando uma música nova para este clipe assim como estou esperando um clipe novo para The Edge of Glory.
Beijos!
Marie

(NÃO ENCHE!)

Nenhum comentário: