terça-feira, 29 de março de 2011

HUMILHAÇÃO FEMININA


ASSÉDIO: Leiam a respeito em: http://noticias.br.msn.com/mundo/artigo-BBC.aspx?cp-documentid=28156246

Quando eu era mais nova e mais magra, obviamente, como a maioria das mulheres, tinha que aguentar as gracinhas dos ditos machos da sociedade.
Tomar no *** né, quantas vezes me arrependi de não andar com uma metralhadora na bolsa.
Quando eu tinha uns 11 anos, um cara até passou a mão na minha x*** e me chamou de bu****da...
Também, como já disse, escapei por pouco de 1 estupro (tinha 13 anos) e 1 tentativa de abuso ou sabe o que lá mais por um vizinho adolescente, ele tinha 15 e eu tinha 7 anos.

Outro dia também estava indo pra academia de Hap Ki Do e um cara passou a mão na minha bunda.
E eu, burra, perdi a chance de dar uma voadora na cabeça dele ou pelo menos uma pedrada com aquelas pedronas quadradas que tem nas calçadas de Rio Negrinho.

Só que a gente é burra, não reage, não põe a boca no trombone.
Tinha era que eliminar esses homens que fazem esse tipo de coisa da sociedade.
Então meninas, nunca mais tenham medo. Reclamem, denunciem, espanquem, chamem o pai, irmãos, namorados e vamos acabar com essa merda, homem que é homem não faz isso.

Lógico que alguns anos e 30 kilos depois, isso nunca mais aconteceu comigo. Só me chamaram de Drag Queen uma vez, fiquei puta da cara na hora, mas como diz a Lady Gaga: Don't be a Drag, Just be a Queen.

Pra quem quer saber mais, basta acessar os seguintes links:
http://ldn.ihollaback.org/about/
pelo que eu vi dá pra criar um site hollaback onde se pode denunciar e até postar fotos dos abusadores da sua cidade!

http://www.stopstreetharassment.com/
Chega de Assédio nas Ruas.

Problemas com ingles? Use o Google Translator fia... e nada mais de ficar quieta, abra a boca, junte-se à causa.
Homem que faz isso merece ter a mão decepada, dentre outras coisas.
Já se foi o tempo da mulher ser o sexo frágil. Chega de humilhação e machismo gente, vamos lutar, homem e mulher são iguais e tem os mesmos direitos!


Beijos,
Marie

Nenhum comentário: