segunda-feira, 5 de março de 2012

RIP MARIA


Maria Valentina, eu não a conheci suficientemente bem, mas conheci o bastante.
Aprendi que foi uma guerreira, até o fim da vida.
Que lutou para criar seus filhos, para cuidar dos irmãos, que até construiu uma Igreja, para a Santa que lhe concedeu uma graça muito importante: Santa Luzia.
Uma guerreira de temperamento forte e opinião inabalável, que no final da vida, parecia mais um anjo, de cabelos muito alvos carregandos suas marcas de batalha.
Descanse em paz!

"A partir do momento em que aprendemos que não morremos, mas voltamos pra casa, nossa vida passa a ser uma viagem de amor e de tranquilidade, de aprendizado e de doação. As pessoas viveriam muito menos aflitas, existiriam menos crimes, menos guerras, se aprendesem que a alma vive para sempre. Não somos seres humanos tendo experiencias espirituais, mas seres espirituais tendo experiencias humanas!" Sabedoria Espírita.

Um comentário:

ROSE OLIVEIRA disse...

amei realmente é isso que muitas pessoas precisam entender que aqui é só uma passagem..bjs..

http://blogtopodendo.blogspot.com/